Notícias
05 de fevereiro de 2019

CEO da Binance diz que a Amazon terá que emitir criptomoeda própria

A gigante mundial Amazon terá que emitir uma criptomoeda própria se quiser continuar seu negócio global, disse Changpeng Zhao, CEO da Binance, uma das maiores exchanges de criptomoedas do mundo.

As declarações de Zhao foram feitas pelo Twitter, em uma série de publicações em que o CEO questionava a relutância dos grandes varejistas globais em integrar criptomoedas como forma de pagamento, uma vez que os benefícios oferecidos pelo uso de criptoativos é benéfico tanto para usuários quanto para as empresas.

“Para qualquer negócio baseado na Internet (não físico), não entendo por que alguém não aceitaria criptomoedas para pagamentos. É mais fácil, mais rápido e mais barato integrar-se do que os gateways de pagamento tradicionais. Menos papelada. E atinge mais efetivamente todo o mundo”, declarou, para acrescentar posteriormente:

“A Amazon terá que emitir uma criptomoeda mais cedo ou mais tarde”, disse.

Entre os varejistas globais, a Overstock foi pioneira na aceitação do Bitcoin como forma de pagamento por meio de uma parceria com a Coinbase e, recentemente, a empresa anunciou que se tornará a primeira grande empresa global a pagar seus impostos com Bitcoin.

De acordo com um comunicado emitido pela empresa, todos os impostos que a varejista necessita pagar no Estado de Ohio, EUA, serão feitos por meio do BTC como parte dos esforços da companhia de promover e incentivar o uso de criptomoedas.

“Há muito pensamos que a adoção governamental cuidadosa de tecnologias emergentes, como criptomoedas (quando acompanhada de legislação não restritiva sobre essas tecnologias) é a melhor maneira de garantir que os EUA não percam o lugar na vanguarda da economia global em constante avanço. Estamos orgulhosos de nos associarmos a governos e funcionários visionários como Ohio e o tesoureiro Mandel para ajudar a inaugurar uma era de confiança através da tecnologia para os sistemas financeiros essenciais de nossa nação”, disse o CEO e fundador da Overstock Patrick M. Byrne.

No caso da Amazon, desde 2014, a empresa reluta em integrar Bitcoin como forma de pagamento em sua plataforma, alegando na época que não havia demanda por parte de seus usuários. No entanto, a empresa também não se pronunciou nas diversas vezes em que foi questionada se adotaria o BTC caso fosse essa demanda passasse a ser real.

Leia também: Amazon lança novo serviço para construção de blockchains

Fonte: CEO da Binance diz que a Amazon terá que emitir criptomoeda própria